quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Arte com amor

O patchwork, tão em moda hoje, oferece muitas oportunidades, seja como um hobby ou como meio de garantir retornos financeiros. O melhor, porém, são as oportunidades de troca e de encontro entre amigas. A professora aposentada Neiva Costa, que se auto intitula uma "aventureira do artesanato", garante que a arte de unir retalhos requer atenção para os cortes saírem perfeitos e exatos. Para isso, ela afirma que é importante a pesquisa em livros, revistas e internet. "No início a gente copia, depois, aos poucos, vai aprendendo a ousar e criar", comenta Neiva.
Trabalhar com amor é o grande segredo, segundo ela, "quando a gente se identifica com algo, parece que tudo se torna fácil, o trabalho fica melhor e, o mais importante, sente-se alegria com os resultados. Com a intenção de ocupar mãos e mente, iniciei nessa técnica, incentivada por minha filha Nivea, embora praticasse a costura desde muito jovem. Mas, fundamental mesmo, foram as aulas com a professora Mercedes, exímia artesã e incrível orientadora". Neiva começou vendendo para amigas e hoje seus trabalhos são requisitados não só por amigas, colegas de trabalho e vizinhas, mas por clientes até da Bahia.

Encomendas pelos fones (55) 3231 4632 e (55) 99498323

Vestibular

O vestibular sempre foi motivo de dor de cabeça para os estudantes. A pressão da família, dos amigos e dos próprios alunos, resulta, quase sempre, em cansaço e stress. Outro fator que deve ser levado em conta é o dinheiro investido pelos estudantes em viagens e inscrições. Os alunos que fazem vestibular fora de suas cidades gastam uma quantia considerável de dinheiro, a começar com a taxa de inscrição, deslocamento até a cidade onde ocorre a prova, hospedagem, alimentação, entre outras despesas.
Se, nessa conta, forem somados os vestibulares para faculdades particulares, ou em outros Estados, a despesa certamente aumenta.
O rosarinse André Pimentel, 24, morando atualmente em São Paulo, está no terceiro ano de cursinho e pretende prestar 12 vestibulares para medicina, entre instituições públicas e privadas. André estima gastar mais de R$ 3.300 com inscrição, transporte e acomodação. Em entrevista ao Jornal Folha de São Paulo, André afirmou que entre seus destinos "fora do normal, por causa do desespero", estão Manaus (AM) e Porto Velho (RO). "É legal ver que estou tentando e correndo atrás, mesmo que longe de São Paulo. Dá mais gás no fim do ano prestar diversos vestibulares", afirma o estudante.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Ovinos

A realidade da ovinocultura no Rio Grande do Sul começa a mudar. O número de ovinos criados ainda é reduzido em muitas cidades, como por exemplo, Rosário do Sul. Segundo informações da Inspetoria Municipal da cidade, estão lotados atualmente na Inspetoria 148.094 animais de todas as classificações.
Entretanto, o preço o preço da carne começou a reagir. No ano passado, o quilo do animal vivo era comercializado a R$ 2,00, enquanto que hoje se pode vender por até R$ 4,00. Essa suba de preço se deve à redução do volume de animais em estoque. Abatido, o animal chega a ser comercializado por até R$ 11,00. Outro exemplo da redução do rebanho pode ser visto no Uruguai, que já chegou a possuir um rebanho de 30 milhões de animais e hoje tem cerca de 8 milhões. No caso do Rio Grande do Sul, tínhamos antes 13 milhões de cabeças e hoje 3 milhões.
Esta redução do rebanho resulta no preço final, já que a demanda de produtos pelo mercado consumidor acaba sendo maior que a oferta. O Engenheiro Agrônomo e Secretário da Agricultura de Rosário do Sul Rafael Pinto dá como exemplo a nova realidade do preço da carne. Isto demonstra que a ovinocultura está em ascensão, segundo o secretário, o preço nunca esteve tão bom.
            O VI Encontro das Associações de Produtores Rurais, ocorrido no dia 9 de Outubro, no CTG Adaga Velha, em Rosário do Sul, contou com a presença de cerca de 300 pessoas, da cidade e de outros municípios. Na ocasião foram ministradas palestras que abordavam temas relacionados a cadeia produtiva da ovinocultura, com o objetivo de unir os criadores e gerar informação. No encontro foi divulgado pelo instrutor do SENAR, Leôncio Peres Garcia, um novo método de esquila, o Tally-Hi, mais eficiente e que causa menos fadiga no animal, por ser mais rápido e não envolver maneadores. Nesse método de esquila a lã é retirada com melhor aproveitamento, já que a mescla da lã sai inteira.
A criadora da raça merino, Andréa Irion, da Cabanha São Carlos, comenta a realidade em relação a essa criação: “a respeito das qualidades da lã merino nós criadores encontramos maravilhas nesta raça, como seletividade na alimentação, pois escolhemos o que o animal vai pastar, como por exemplo brotos, o local e o manejo dos animais e isso se reflete na nobreza da lã, na quantidade de lã esquilada, e realmente, não tem comparação”.
A lã do merino é considerada de melhor qualidade em função do diâmetro do fio, por ser mais fino que os demais.Na Austrália a indústria têxtil utiliza atualmente a lã de ovinos com menor diâmetro de fio e por isso, a lã é chamada lã fria e  considerada de excelente qualidade térmica. No Brasil, estão sendo feitas melhorias na lã, buscando-se aperfeiçoar o fio e atingir padrões de qualidade internacional.
Atualmente o principal importador da carne de ovino é a União Européia, e os principais exportadores são Nova Zelândia e Austrália.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Passando pela terrinha









O casal Aluísio Guimarães e Cecília Stefani esteve visitando recentemente Rosário do Sul, revendo amigos e matando a saudade do arroz com feijão. Há três anos em Lisboa, trabalhando no ramo gastronômico, vieram cheios de novidades e totalmente inspirados pela tradicional cozinha Mediterrânea. No Aeroclube da cidade, Aluísio pode mostrar seus dotes culinários aos amigos, Tiago Mattos, Cássio Souto, Fábio Severo e Fábio Mattos, enquanto Cecília colocava o papo em dia com as amigas Andiara Gindri, Fernanda Bolsson e Deise Severo. O casal seguiu viagem para Florianópolis para descansar por mais alguns dias antes de retornar à Lisboa. Confira os flashes desse animado encontro. 

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Bulabar, sem contra-indicações.

"Hoje eu preciso tomar um café, ouvindo você suspirar
E dizendo que eu sou o causador da tua insônia..."

Bulabar recomenda degustação e ingestão de um bom café acompanhado de pessoas bacanas, proporcionando momentos de bem-estar, descontração e, consequentemente, vida longa.

http://www.bulabarbistrocafe.com.br/

Fone 55 3025 7979
Santa Maria - RS

domingo, 17 de outubro de 2010

Mesa para notebook




Mesa para notebook criada por estudante rosariense é sucesso de vendas na web. Com design exclusivo, cada mesa é personalizada de acordo com o gosto do cliente, com estampas florais ou lisas e com  as medidas do notebook e são estregues em no máximo três dias. Os preços variam entre R$30,00 e R$40,00. Já o modelo com cooler custa R$ 60,00. As encomendas podem ser feitas pelos telefones 55 9653 0701 ou 55 3231 4632.

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Arte que vem do campo


O produto da esquila do rebanho da Cabanha São Carlos, de Márcio Ustra Ribeiro e Andréa Irion resultou num fio produzido em roca a pedal, que misturado a cores naturais e sem tingimentos originou trabalhos manuais em lã, como tricô, crochê, lacê e tear, que passaram a ser comercializados para cidades do interior do Brasil e também para as principais capitais bem como para o exterior.
Os fios da Cabanha São Carlos podem também ser encontrados nos ateliers de Porto Alegre, bem como lojas de artesanatos e clínicas de recuperação mental, onde são realizados trabalhos com pacientes com síndromes. A lã merino da Cabanha colabora também para a realização de trabalhos têxteis em universidades.
O trabalho e o investimento dos proprietários parece estar dando resultados visíveis este ano, agora La Rocca está elevando esta fibra, considerada por muitos ainda primitiva, a altos patamares da moda e a públicos cada vez mais diversificados e exigentes. Um exemplo disso é a venda de produtos sofisticados para lojas de bairros cariocas.
Há quatro anos em Rosário do Sul é desenvolvido o trabalho com fios de lã merino, 100% pura lã, e comercializados para consumidores de gosto apurado, grupos de pessoas que garimpam novidades no mercado de fios naturais e que encontram na La Rocca este diferencial.
Para consolidar mais o negócio, a empresa está fechando parcerias com lojas em várias capitais brasileiras, como São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e Brasília e enviando sua lã merino para um mosteiro em Londres, o que impulsionou os empresários a adquirir melhorias para elevar a qualidade do rebanho e tornar sua rede de clientes ainda mais satisfeitos.


quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Loja virtual de camisetas




Entrou no ar hoje a primeira loja virtual do designer Pippi, a Pippi Store. Nas primeiras duas horas do lançamento da loja, o designer Luis Fernando Pippi, comemorava: "a loja abriu a poucas horas e já está bombando". No site você pode escolher a estampa que mais combina com você e adaptar ao seu tamanho e cor preferida.
Todos os desenhos são assinados pelo designer, que tem em seu currículo trabalhos com marcas
como Colcci, Blue Steel, Index Krown e Free Surf, entre outras. Vale conferir a loja e sair por ai nesse verão com visual moderno, e o melhor, exclusivo!
           Aqui vai o link da loja virtual:
           http://www.vitrinepix.com.br/pippistore
           http://www.pippi.com.br/
           Sucesso Pippi!!! Parabéns pela idéia e pelo talento!!!  

terça-feira, 5 de outubro de 2010

EXPOFEIRA

Distribuição do Caderno da Expofeira hoje a tarde nos patrocinadores!
Estou no celular!

sábado, 2 de outubro de 2010

Jorge Santos em festa

Na noite de 30 de setembro a Jorge Santos festejou as novas instalações em Rosário do Sul. Muitos convidados, funcionários e autoridades de Rosário e de outras cidades se fizeram presentes. A atração principal da noite foi o show de Délcio Tavares e Banda. Parabéns ao Grupo Jorge Santos pelo sucesso do evento.